in

Mulher trai o marido e inventa sequestro para justificar sumiço de 4 dias ao lado do amante

Divulgação/G1

Um casal de amantes foram presos nesta segunda-feira (22), na cidade de Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, capital de Mato Grosso, após terem inventado um falso sequestro. Os acusados de terem cometido o crime foram identificados como Alline Figueiredo da Cruz, de 28, anos, e Marcelo de Souza Arruda, o amante.

As primeiras investigações feitas pela polícia local, apontaram que Alline estava desaparecida desde da última quarta-feira (17). Porém, durante as investigações, ficou comprovado que a mulher simulou um sequestro para ficar com o amante que ela conheceu na rede social Facebook. 

A mulher foi localizada no domingo (21), alegando que havia sido sequestrada na quinta-feira passada. Porém, durante o seu depoimento, a jovem acabou revelando que inventou o falso sequestro para ficar com o amante.
Segundo a polícia, a mulher relatou que ela inventou o sequestro para justificar a sua ausência de 4 dias fora de casa para o esposo.  

O caso 

Um boletim de ocorrência foi registrado pelos familiares da vítima na quinta-feira (18), relatando o seu sumiço. Conforme consta no BO, a mulher foi vista pela última vez na noite de quarta-feira. Porém, na mesma noite, ela tinha saído de casa para fazer um curso de cabeleiro.  

A polícia da cidade fez várias buscas atrás da mulher, porém, não teve sucesso.
Os familiares da mulher chegaram a receber ligações do suposto sequestrador. O homem relatou que não era para envolver a polícia
no meio, ou ela seria morta. 

Porém, na noite de domingo, a mulher ligou para a polícia pedindo ajuda alegando que ela tinha sido sequestrada por 3 homens e mantida em cativeiro por 4 dias. Alline relatou que foi libertada pelos criminosos no domingo à noite.

No entanto, a versão dada pela mulher não batia com a versão dada por testemunhas, que informaram para a polícia que ela tinha sido vista tomando cerveja na companhia de um homem em um bar.  

A confissão 

Durante o depoimento, a mulher confessou que inventou o sequestro para se encontrar com o amante que ela conheceu no Facebook há pelo menos um mês.
Alline e Marcelo ficaram em uma casa na zonal rural do pai de Marcelo durante todo esse tempo em que esteve ausente de casa.  A mulher afirmou que inventou o sequestro para justificar sua ‘ausência’ do esposo.

Os bebês já nascem sabendo nadar?

Criança de 4 anos com câncer terminal surpreende a mãe com linda mensagem antes de morrer