in

Santiago 513: o mistério do avião que aterrissou 35 anos após decolar

Você já ouviu falar na teoria da relatividade geral? Cientistas e físicos do mundo inteiro se debruçam sobre pesquisas a respeito das possíveis interações entre massa, espaço e o tempo. Tais estudos visam comprovar que existe a possibilidade de se viajar no tempo e no espaço.

Uma história que vem sendo investigada por estudiosos de todo o mundo tenta desvendar o mistério do voo Santiago 513, que decolou da Europa, e aterrissou no Brasil 35 anos depois de ser dado como desaparecido; seria está a prova da possibilidade de se viajar no tempo? Saiba mais.

Santiago 513: o mistério do avião que aterrissou 35 anos após decolar

Uma história de dar arrepios e de deixar qualquer um aterrorizado, trata-se do voo 513, que decolou no dia 4 de setembro de 1954 da então Alemanha Oriental. A aeronave pertencia a companhia aérea Santiago e tinha como destino a cidade de Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul.

O que aconteceu logo após a decolagem da aeronave ainda é um dos maiores mistérios da história da aviação. Tudo ia muito bem até que os controladores de voo perderam o contato com o avião enquanto ele sobrevoava o oceano Atlântico.

Na época, houve uma grande mobilização em busca do paradeiro do avião que despareceu como em um passe de mágica. Se nos dias de hoje já é extremamente complicado descobrir as causas do desaparecimento de uma aeronave, imagine há mais de 50 anos atrás. Sem nenhuma pista do avião, os tripulantes e passageiros do voo 513 foram dados como mortos.

35 anos depois

Mas o que aconteceu no dia 12 de outubro de 1989 deixou a todos perplexos pois, o voo Santiago 5013 apareceu sobrevoando o Aeroporto Internacional de Porto Alegre, 35 anos após desaparecer. Depois de dar algumas voltas, a aeronave aterrissou de maneira tranquila sem manter nenhum contato com a torre de controle.

Tal situação chamou a atenção das autoridades competentes que seguiram até a aeronave para investigar o porquê da aterrissagem sem nenhum contato ou pedido de autorização.

Tripulação fantasma

Mas o mistério ficaria ainda maior. Ao entrarem no avião, os investigadores deram de cara com 92 esqueletos sentados corretamente em suas poltronas. Na cabine de comando, os tripulantes também estavam em suas devidas posições, o piloto tinha as mãos esqueléticas sobre os controles e os motores da aeronave estavam ligados.

A situação bizarra e totalmente inexplicável não teve grande repercussão aqui no Brasil, não se sabe ao certo porque a história foi abafada pelas autoridades e não há registros oficiais sobre o ocorrido. Já o jornal americano que publicou a história com informações detalhadas foi o Weekly World News, mas este tabloide era conhecido por relatar histórias sobrenaturais e paranormais, por isso não tinha uma reputação confiável.

Até hoje não se sabe se esta é uma história real que poderia comprovar a possibilidade de uma viagem no tempo ou se não passa de mais uma lenda urbana.

Written by Fabiana Batista Santos

Redatora Web há 5 anos. Prezo por desenvolver conteúdo de qualidade para levar informações úteis e pertinentes ao maior número de pessoas possível. Especialista em TV e Famosos, entretenimento, curiosidades, notícias do Brasil e mundo, decoração, saúde, entre outros.

Aprenda a reconhecer os sinais de alerta da pessoa prestes a tirar a própria vida

Mãe faz desabafo emocionado após a filha ficar com a pele vermelha e cheia de feridas