in

Mãe se distrai e filha é levantada a dois metros do chão; assista ao vídeo

Crianças são verdadeiros anjos na Terra e, quando se trata da segurança dos pequeninos, a atenção e vigilância dos pais é de extrema importância para mantê-los seguros. Qualquer distração de um minuto que seja pode ocasionar um acidente de proporções inimagináveis.

Um caso curioso, preocupante e um tanto quanto engraçado de distração de uma mãe ocorreu na cidade americana de Frisco, no Texas, viralizou na internet no último dia 16.

No vídeo, rapidamente compartilhado milhares de vezes nas redes sociais e visualizado mais de 760 mil vezes no youtube, a norte-americana Erica Dilley leva um tremendo susto com sua filha mais velha, Alice.

Enquanto a mãe se distraiu por menos de dez segundos para pegar no colo a bebê que estava no carrinho, Alice segurou no portão eletrônico no momento exato em que o mesmo estava abrindo, acabou sendo levantada a dois metros do chão e permaneceu pendurada apenas com a força de seus pequenos braços.

Ao se virar, Erica viu sua filha pendurada e, após a reação natural de gritar no momento do susto, rapidamente correu para socorrer a criança que ria da situação como se não desse muita importância para o perigo pelo qual havia passado.

Assista ao vídeo:

A distração de Erica gerou comentários bem humorados e também críticas à falta de atenção da mãe. Internautas sugeriram que Alice seria uma supergirl e outros até mesmo aconselharam a mãe a incentivar a filha a praticar ginástica.

Na descrição Erica escreveu “mama can never turn her back!” – “mamães nunca podem virar as costas!”

Leia Também

Written by Higor Mendes

Corretor de Imóveis, cursou até o 3º semestre de Engenharia de Pesca na Universidade Federal Rural da Amazônia e atualmente é graduando em História na UNP. Apaixonado por História da Segunda Guerra Mundial, Política, Futebol e curiosidades em geral.

Next post

Idosas recebem gogo boys em asilo para animar a rotina

‘Temos um bebê de 2 meses viciado em drogas, você quer adotá-lo?’; saiba o final comovente dessa história