in

Homem ‘grávido’ passa por cirurgia para retirada de feto

O agricultor Sanju Bhagat viveu toda a sua vida com um estômago inchado. Os vizinhos brincavam dizendo que ele parecia está “grávido”. Mal sabiam eles que o que disseram era uma quase verdade.

Quando Sanju tinha 36 anos, o estômago alto dificultava sua respiração e piorou ao ponto dele ter que ir ao hospital.  Os médicos presumiram que um tumor estava crescendo dentro do homem, mas ao operar a equipe viu algo bastante raro.

Na verdade, parecia que Sanju havia dado à luz. Os médicos descobriram que Sanju Bhagat tinha uma das condições médicas mais bizarras do mundo, ele carregava um feto. Bhagat estava carregando o corpo mutante de seu irmão gêmeo por 36 anos. O corpo tinha membros em desenvolvimento, cabelos e unhas compridas. 

É uma anormalidade extremamente rara, que ocorre quando um feto fica preso dentro de seu gêmeo. O feto preso pode sobreviver como um parasita, mesmo após o nascimento, formando uma estrutura de cordão umbilical que libera o suprimento de sangue de seu gêmeo. O parasita pode crescer tanto que começa a prejudicar o hospedeiro, e aí que os médicos fazem uma interferência cirúrgica.

Na maioria das vezes, ambos os gêmeos morrem antes do nascimento por causa da tensão de compartilhar a placenta. Mas no caso de Bhagat, ele sobreviveu ao nascimento e surpreendentemente apoiou a vida do feto por 36 anos. Ninguém suspeitou do problema, todos pensavam que ele tinha um algum problema no estômago.

Logo após a cirurgia, a dor e a incapacidade de respirar de Bhagat desapareceram e ele se recuperou de forma rápida. O caso pode ter sido um milagre médico para a equipe que o operou, mas para Bhagat sua condição tinha sido motivo de vergonha, já que ele passou a sua vida toda sendo ridicularizado e insultado por sua condição.

Hoje, Bhagat está com boa saúde e leva uma vida normal, mas ele ainda é provocado ocasionalmente. As pessoas ainda riem, dizem que ele foi operado e teve um bebê.

Atendente do Giraffas viraliza com gesto surpreendente de humildade; assista ao vídeo

5 perguntas para fazer a si mesma antes de perdoar uma traição