in

Após 5 anos fazendo quimioterapia, homem descobre algo que choca até os médicos

O tratamento contra o câncer através da quimioterapia é bastante sofrível; ele passou por isso durante anos e o que descobriu choca.

Infelizmente, milhares de pessoas são diagnosticadas com câncer todos os dias. Entre os tratamentos contra esta doença potencialmente letal está a quimioterapia. Este tratamento é bastante sofrível pois apresenta terríveis efeitos colaterais.

Como a quimioterapia funciona?

A quimioterapia é indicada para o tratamento dos mais diversos tipos de câncer, geralmente é realizada em hospitais sob a forma intravenosa. Os quimioterápicos são drogas especializadas em destruir exatamente as células que se desenvolvem rapidamente e conseguem matar parte das células cancerígenas e impedir que o tumor continue crescendo. O problema é que, com o tratamento, também vêm os efeitos colaterais, entre eles podemos citar, náuseas, vômitos, perda de cabelo, perda de apetite, fadiga, manchas na pele, dores de cabeça e pelo corpo, entre outros. 

Depois de 5 anos de quimioterapia, homem faz descoberta bizarra

O norte-americano James Salaz afirma que foi diagnosticado com um tipo de câncer bastante raro, conhecido como histiocitose de células de Langerhans, também chamada de doença de Letterer-Siwe.

Após receber o diagnóstico, ele iniciou um pesado tratamento contra a doença, baseado em quimioterapia e analgésicos. James revelou que os efeitos da quimio eram tão violentos que ele chegou a pedir para morrer. Ele passou por este tratamento severo por cinco longos anos, até que o médico que cuidava de seu caso deixou o hospital onde ele se cuidava.

Quando foi se consultar com outro profissional da região para dar prosseguimento ao tratamento, descobriu que nunca teve câncer. Incrédulo, ele fez questão de ouvir a opinião de outros três médicos e todos afirmaram que ele nunca teve tal doença.

O que ele tinha na verdade era uma doença chamada vasculite, uma inflamação nos vasos sanguíneos que, como não foi tratada, desenvolveu-se para um quadro mais grave chamado de doença de Wegener, que é tratável, mas que leva cerca de um ano para alcançar a cura.

Contudo, o tratamento intensivo contra o câncer deixou sequelas e James desenvolveu pancreatite por causa do uso excessivo de medicamentos.

Leia Também

Written by Fabiana Batista Santos

Redatora Web há 5 anos. Prezo por desenvolver conteúdo de qualidade para levar informações úteis e pertinentes ao maior número de pessoas possível. Especialista em TV e Famosos, entretenimento, curiosidades, notícias do Brasil e mundo, decoração, saúde, entre outros.

Next post

Morador de rua vai a restaurante de luxo com R$ 50, é atendido e viraliza nas redes sociais

6 ex-BBB homens que já posaram ‘como vieram ao mundo’