in

Fenômeno de ‘ondas congeladas’ nos EUA chama a atenção na web; veja as fotos

Reprodução / Jonathan Nimerfroh
Publicidade

Enquanto a maior parte do Brasil passou os últimos dias em um calor absurdo, com registros acima de 40 graus em cidades como o Rio de Janeiro, os Estados Unidos vivem situação oposta e sofrem com uma onda de frio que já causou dezenas de mortes no país mais rico do mundo.

Em meio ao caos, há espaço para a arte. O fotógrafo americano Jonathan Nimerfroh registrou imagens impressionantes de ondas quase congeladas no mar. As imagens estão circulando pelas redes sociais e chamando a atenção de muita gente.

Publicidade

Nimerfroh explica que a água do mar não congelou – para isso precisaria de uma temperatura inferior a 20 graus negativos. O que houve, na verdade, foi o aumento da densidade das ondas. A água do mar ficou parecendo com uma raspadinha e o resultado foram imagens perfeitas.

A onda de frio polar se instalou nos Estados Unidos na última terça-feira (29). Na sexta-feira, a CNN informou que 21 pessoas já haviam morrido devido ao frio intenso no país. O sul do Canadá foi afetado pelas baixas temperaturas.

Publicidade

O estado de Chicago, por exemplo, registrou 30 graus negativos na quinta-feira (31). As tempestades polares provocaram, além de mortes, dezenas de casos de congelamentos de extremidades, especialmente entre as camadas mais desprotegidas da população

Em um hospital de Chicago, 50 pessoas foram internadas com sintomas de congelamento e algumas sofreram amputações. Também aconteceram acidentes em estradas, devido ao acúmulo de gelo e neve, e o transporte aéreo foi afetado pelas más condições meteorológicas.

Publicidade

Leia Também

Written by Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Next post

Vídeo mostra blogueira em ataque de fúria batendo no filho de apenas 6 anos

O que mulher faz com cachorro que a esperou por 6 meses em aeroporto vai fazer você chorar