in

Saiba o que a Bíblia fala sobre a volta de Jesus e como isso afetaria toda a humanidade

Reprodução / Sombra do Onipotente

Cristãos de todo o mundo que lêem a Bíblia aguardam ansiosamente pela volta de Jesus. O livro sagrado que narra a vida de Jesus na terra – entre muitas outras histórias – também fala acerca de sua volta. Para quem não está familiarizado com o texto bíblico, esse detalhe chama a atenção, mas aos cristãos de todo o mundo é perfeitamente compreensível.

O primeiro detalhe importante sobre a volta de Jesus é que ninguém sabe quando isso vai acontecer. Todas as ramificações dentro do cristianismo que se propõe a dar uma data exata para a volta de Cristo são chamadas de seitas.

Publicidade

De acordo com a Bíblia, Jesus nasceu de Maria, que deu à luz sem ter tido relação íntima com José. Jesus viveu 33 anos e foi crucificado. A Bíblia diz ainda que Jesus ressuscitou ao terceiro dia, vencendo a morte.

Em sua primeira vinda, Jesus foi para o matadouro como um cordeiro. Na segunda vinda, ele julgará o mundo – incluíndo aí os vivos e os mortos. A Bíblia diz que a volta de Jesus será gloriosa. Para quem o ama, será um dia de grande alegria porque todos que crêem em Jesus vão com ele para o céu.

Publicidade

Para aqueles que o rejeitam, porém, será uma dia de grande dor diante do julgamento. A Bíblia alerta que Jesus voltará com um ladrão da noite e que ninguém sabe ao certo quando isso acontecerá.

O escritor do livro de Hebreus anota que “da mesma forma, como o homem está destinado a morrer uma só vez e depois disso enfrentar o juízo, assim também Cristo foi oferecido em sacrifício uma única vez, para tirar os pecados de muitos; e aparecerá segunda vez, não para tirar o pecado, mas para trazer salvação aos que o aguardam”, diz o texto presente nos versículos 27 e 28 do capítulo 9.

Mateus escreveu que ninguém sabe o dia nem a hora da volta de Cristo. “Quanto ao dia e à hora ninguém sabe, nem os anjos dos céus, nem o Filho, senão somente o Pai. Como foi nos dias de Noé, assim também será na vinda do Filho do homem. Pois nos dias anteriores ao Dilúvio, o povo vivia comendo e bebendo, casando-se e dando-se em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca; e eles nada perceberam, até que veio o Dilúvio e os levou a todos. Assim acontecerá na vinda do Filho do homem”.

Publicidade

Leia Também

Written by Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Next post

Logo após anunciar gravidez, Claudia Leitte posta vídeo dançando ‘Despacito’ com o marido

A difícil decisão de um pai entre tentar salvar uma das filhas ou deixar as duas morrerem